24/10/2021

Sistema de som para uma sala de cinema em casa

 | Quatri Automações

Um sistema de som bem feito em sua residência pode trazer a sensação de uma sala de cinema em casa, por isso, devemos contar com bons sistemas de som no ambiente.

 

Por isso, antes de tudo, é preciso entender as especificidades de sistemas de som, já que é preciso garantir uma boa qualidade para que o ambiente de cinema seja garantido.

 

O estudo e conhecimento dessa parte pode ser essencial para garantir que nada vai dar errado no final das contas, assim, podendo ter a curtição de uma sala de cinema em casa.

 

As tecnologias de áudio, graças ao padrão estéreo, que foram adotados pela indústria do som nos últimos anos, permitiram que a acessibilidade e popularização das caixas se som fossem potencializadas, o que acaba gerando muitas dúvidas entre os consumidores.

 

Neste texto, você entenderá mais sobre os conceitos de sistemas 5.1 e 7.1, sistemas de áudio mono, estéreo e surround e algumas dicas para conseguir realizar o processo de sala de cinema em casa

 

Como funcionam os sistemas 5.1

 

Antes de prosseguirmos, devemos primeiro entender como funcionam os sistemas de áudio 5.1 e 7.1, que são chaves para conseguirmos entender o restante dos tópicos seguintes do texto.

 

O primeiro número representa a quantidade de canais de áudio o aparelho tem, já o segundo número significa a quantidade de subwoofers, que são tipos de alto-falantes feitos propriamente para a boa reprodução de frequências baixas, isto é, mais graves, que vão de 20 a 200Hz. Sendo assim, o item deste tópico, o sistema de som 5.1, possui 5 canais e um subwoofer.

 

Essa tecnologia nasceu nos anos 70 e 80, conseguindo se popularizar no mercado por meio de suas vendagens, que passaram a ser mais acessíveis, assim como sua otimização evoluiu, podendo ser encontrado em cinemas, que quando implementaram essas tecnologias conseguiram otimizar consideravelmente a imersão das salas.

 

Com isso, é interessante notar como essas tecnologias conseguiram chegar às salas de casa, trazendo a mesma qualidade de um cinema.

 

É possível notar também que a automatização desses aparelhos também se encontra bem acessível no mercado, podendo ser parte do que automatizar em sua casa.

 

Tendo um sistema de som que trata uma sensação de sala de cinema em casa, é possível começar a perceber as mudanças na hora de ver o filme, como por exemplo, em uma cena em uma estrada, você consegue ouvir o barulho dos outros carros e do ambiente.

 

Numa cena de ação, por exemplo, também é possível ouvir todo o ambiente, como com explosões e tiros, podendo ser diferenciados de direção, com base no ponto de vista na câmera.

 

É preciso lembrar que para que esse efeito funcione perfeitamente, as caixas precisam ficar bem distribuídas, acopladas a cantos específicos da sala.

 

Geralmente, as caixas são colocadas ao redor dos que estão ouvindo, na frente e nas laterais.

 

Com essa divisão, os espectadores têm como, numa cena, identificar a movimentação tanto dos atores quanto dos objetos, mesmo de olhos fechados, o que torna tudo mais natural.

 

Como funcionam os sistemas 7.1

 

Esses sistemas, como já dito, representam a quantidade de canais de áudio que o aparelho tem e também subwoofers, nesse caso, são sete caixas e apenas um subwoofer, por isso, um sistema 7.1 é uma boa tecnologia para a execução de sons com extrema fidelidade.

 

O 7.1 é um dos melhores sistemas para a exibição de filmes em Blu-ray. Como possui 7 faixas, sua capacidade sonora consegue destacar mais sons e entregar uma realidade maior para a cena, cada som destinado a uma caixa.

 

Sistemas de áudio: mono, estéreo e surround

 

Também é preciso entender o que existem algumas outras especificidades em sistemas, como as tecnologias dos áudios mono, estéreo e surround.

 

Mono

 

A tecnologia mono tem apenas um único canal, onde transmite as frequências do áudio transmitido por uma fonte só, assim, uma caixa mono emite as mesmas frequências para tudo o que está conectado, mesmo com várias caixas sendo usadas.

 

Porém, nos dias de hoje, a tecnologia mono é apenas utilizada em aparelhos de som que não precisam contar com uma boa definição, ao exemplo de telefones, interfones e caixas de som mais simples.

 

Estéreo

 

Sistemas estéreos são mais comuns no nosso dia a dia, além de terem uma tecnologia mais moderna, com o áudio podendo ser dividido em várias faixas de áudio, assim como caixas.

 

Essa tecnologia é utilizada em cinemas, com o pan (lado onde o som sai) sendo usado para simular três dimensões e hoje, conectados com boas marcas de home theaters, podem trazer a sensação da  sala de cinema em casa.

 

Para uma melhor experiência, é possível fragmentar as faixas de áudio nas diferentes caixas, podendo colocá-las, como dissemos anteriormente, em volta da sala, tornando a experiência mais real.

 

Surround

 

O surround é uma evolução do estéreo, podendo elevar a quantidade de canais de recepção e emissão do som, geralmente sete, o que proporciona uma imersão maior ainda no filme.

Busca por uma sala de cinema em casa? Conte com a Chiave Distribuidora

 

Ter a sensação de uma sala de cinema em casa pode ser muito boa, mas, para se chegar a ela, é preciso ter um bom equipamento em mãos, além de poder ter outras idéias, como a de tornar esses aparelhos próprios para smart homes.

 

A Chiave Distribuidora é especialista nesse quesito, já atuando há mais de 20 anos no mercado e fornecendo o que há de mais qualidade em áudio, a empresa também conta com setoriais de automação residencial.

 

Sua representante na Baixada Santista é a Quatri Automação, que tem o crivo e a confiança da distribuidora para operar na região.

 

Se ficou curioso e está procurando pela sensação de uma sala de cinema em casa, procure pela Quatri e faça seu orçamento.

Solicite agora um orçamento
sem compromisso

Fale por Whatsapp